Notícias

No Dia Nacional de Combate ao Contrabando o IDESF lançou o estudo "Rotas do Crime - As Encruzilhadas do Contrabando"
IDESF participa de mesa redonda na universidade de Coimbra em Portugal.
Autoridades discutiram consequências do contrabando na fronteira de Mato Grosso do Sul e medidas urgentes para combater crime com eficácia
No Dia Nacional de Combate ao Contrabando, o Ministério da Justiça apresentou números que mostram a melhora da estrutura de fiscalização da polícia nas fronteiras. Mesmo assim, a entrada de produtos ilegais no Brasil aumentou 15% no ano passado.
Como parte das ações do Dia Nacional Contra o Contrabando, que ocorrerão em todo o país, com destaque, em Brasília, Foz do Iguaçu e Campo Grande
Acontece nessa quinta-feira (3) o lançamento do estudo “Rotas do Crime – Encruzilhadas do Contrabando”, elaborado pelo Idesf (Instituto de Desenvolvimento Econômico e Social de Fronteiras).
Levantamento mostra que em 2015 o país perdeu R$ 115 bilhões com este crime, aumento de 15% em relação ao ano anterior.
Levantamento mostra que em 2015 o país perdeu R$ 115 bilhões com este crime, aumento de 15% em relação ao ano anterior.
O melhor vídeo postado (no facebook do IDESF), até dia 7 de abril, receberá um tablete de premiação. Campanha nas redes #contrabandononono! Faz parte do Dia Nacional de Combate ao Contrabando.